Categoria: Impotência

Aumentar o desejo sexual: 2 maneiras

A ausência de desejo sexual não é considerada uma condição normal: ter relacionamentos e desfrutar do prazer é um aspecto importante da vida.

Para aumentar o desejo sexual, precisamos de desejo, atração e paixão. Cada um desses aspectos tem um significado, mas juntos eles convergem para o mesmo tema: sexo.

Vamos analisá-los separadamente:

  • Desejo: é o impulso que nos leva a interagir sexualmente. Não é apenas uma questão psicológica, na verdade, aumenta após a adolescência e é condicionada pela atividade hormonal.
  • Atração: uma vez que a necessidade surge, esta força surge que atrai inexplicavelmente para o outro.
  • Apaixonar-se: nesta fase os dois primeiros elementos convergem, isto é, nos apaixonamos quando sentimos desejo e atração por uma pessoa específica.

O objetivo de se apaixonar é garantir que essa pessoa atenda às nossas necessidades.

O que é desejo sexual?

É o motor da sexualidade ou, mais simplesmente, o desejo de interagir com os outros em um nível sexual.

O erro que muitos de nós cometemos é confundir desejo sexual com excitação. Isso, no entanto, é uma reação fisiológica, ou sabemos que estamos excitados quando sentimos uma ereção ou lubrificação. O desejo é a força que nos impulsiona a buscar prazer .

Essa distinção explica o fato de que, algumas vezes, ao tentar alcançar o outro, o momento certo chegou, pode-se parar e perder a excitação.

Por que não posso mais ficar animado?

Em alguns casos, são pensamentos que não deixam o desejo fluir livremente. Por exemplo:

  • Medo: ser ridículo, ser rejeitado e mostrar seu corpo.
  • Ansiedade: a preocupação de não atingir o orgasmo, por exemplo, não permite que você se solte. Relaxe!
  • Estresse: é o inimigo de qualquer atividade. Naturalmente, a tensão também dificulta o poder sexual.
  • Preconceitos: é mais difícil desaprovar do que aprender. A sociedade está cheia de inibições que nos fazem sentir culpados. Se livrar!
  • Comunicação: não pode estar faltando em um relacionamento. É a única maneira de fazer os outros entenderem o que realmente gostamos.
  • Paixão: não é apenas sobre o instinto carnal. Ter uma atitude de derrota em relação à vida não nos permite desfrutar livremente do sexo.
  • Ignorância: não há nada melhor do que descobrir do que seu corpo é capaz. Às vezes, não nos soltamos por medo de sentir dor física. Informe-se e nada pode pegá-lo de surpresa.
  • Drogas: uma terapia baseada em antidepressivos ou anti-hipertensivos pode causar efeitos secundários , incluindo a perda do apetite sexual.

Como aumentar o desejo sexual?

Sim, felizmente é possível aumentar o desejo sexual. Fazer sexo faz parte do nosso instinto, mas em alguns casos temos que trabalhar duro para superar o problema . Aqui estão algumas dicas:

Contato físico

A remoção do parceiro começa com a necessidade de “descansar”. O casal sente a necessidade de ter tempo e se isolar.

Isso faz com que o contato físico desapareça. Há quanto tempo você está de mãos dadas? As carícias, abraços e beijos acabaram no esquecimento?

Se você não recuperar esse aspecto, o sexo continuará a esperar.

2. Não tenha medo de jogos eróticos

Passar uma noite agradável e intimista não é tão complicado. Não é necessariamente uma questão de usar um brinquedo erótico ou praticar jogos que não são para você. A chave é pedir o que você quer . Claro que também deve ser o desejo do seu parceiro.

E se você mesmo com essas dicas acredita que ainda vai passar por problemas na hora do sexo conheça o estimulante chamado Big Size.

Repartição sexual: 5 dicas para combater problemas de ereção

Vinte anos atrás, o Viagra chegou à França e revolucionou a vida sexual de muitos franceses com distúrbios eréteis. Como reagir a tal situação? Aqui estão 5 dicas para combater problemas de ereção.

1. Luta contra o estresse

Os distúrbios eréteis podem ser causados ​​por problemas psicológicos. A ansiedade é um deles! Problemas profissionais, dificuldades financeiras … Todos os fatores que podem ter impacto na vida sexual .

Uma realidade confirmada por uma pesquisa realizada pela Ifop para My-Pharma.info. O estresse é relatado como sendo a causa de 65% dos problemas de ereção e 70% dos problemas de desejo sexual masculino relatados nos últimos 12 meses.

Pratique um esporte para desabafar, faça meditação para relaxar, ou tire um tempo para relaxar lendo um livro … Para cada um, seu método de lutar contra a ansiedade!

2. Adoptar bons hábitos alimentares

O sobrepeso e a obesidade podem causar disfunção erétil. Um estilo de vida saudável é, portanto, essencial para evitar colapsos sexuais.

Prova disso é que um estudo da Universidade de Harvard (EUA) mostrou que homens com obesidade e baixo exercício tinham 2,5 vezes mais chances de enfrentar disfunção erétil do que homens. aqueles que não estavam acima do peso e praticavam pelo menos 30 minutos de esporte por dia.

Comer equilibrado enquanto pratica atividade física é uma boa maneira de lutar contra desordens eréteis, enquanto faz bem ao seu corpo!

3. Limite de tomar antidepressivos

66% dos usuários de antidepressivos relatam ter tido uma experiência total livre de ereção nos últimos 12 meses, de acordo com a pesquisa My-Pharma.

Mas isso não é tudo: 3 de 4 usuários de antidepressivos experimentaram diminuições ou falta de desejo sexual nos últimos 12 meses.

Não há dúvida de parar antidepressivos sem orientação médica. Por isso, é importante marcar uma consulta com seu médico para encontrar soluções. Este último pode eventualmente reduzir a dose de antidepressivos, ou prescrever outro.

4. Evitar o consumo de álcool e tabaco

Se o álcool tem uma reputação de desinibir, não é necessariamente um aliado quando age fora. Em questão? Pode ser estimulante em pequenas doses, mas também pode causar disfunção erétil quando consumida em grandes quantidades.

O mesmo vale para o tabaco , porque uma ereção requer um bom suprimento de sangue. Problema: os cigarros têm um efeito negativo no nível vascular.

Por sua saúde global e sexual, é melhor limitar seu consumo de álcool e tabaco!

5. Consulte um especialista

Os distúrbios eréteis podem ter origem psicológica ou física. Se eles repetem cada sexo e duram mais de três meses, consultar um especialista pode ser útil.

Para começar, é aconselhável recorrer ao seu médico, que, depois de fazer um diagnóstico, pode prescrever um tratamento, como o Viagra , ao paciente.

Se ele achar necessário, o generalista também pode redirecionar seu paciente para um psicólogo e / ou sexólogo.

Top 5 atitudes para ter em caso de colapso sexual

A comunicação pode resolver em um piscar de olhos distúrbios de ereção do dedo. Se o seu acompanhante estiver aberto à discussão, é essencial estabelecer um diálogo a fim de tranqüilizá-lo, mostrando sua estima e seu amor por ele.

Para ter a resposta certa para uma possível falha do seu parceiro, aqui estão as 5 principais dicas a seguir para ajudar seu companheiro sem se apressar.

  • Tranquilize-o sobre seus sentimentos

Para criar um clima propício ao relaxamento e à confiança, coloque palavras sobre o amor e o desejo que você sente por ele. Mostre a ele que sua ereção não é a mais importante em seu relacionamento: a atmosfera certamente ficará mais relaxada (e ele, um pouco mais tenso). 

  • Não economize nas preliminares

A relação sexual não se limita à penetração! Tome seu tempo para acariciar seu esposo, suavemente. Seu corpo inteiro pode ser estimulado por seus abraços: couro cabeludo, torso, atrás dos joelhos, pés … Preliminares podem excitar seu companheiro, lenta mas seguramente.

  • Experimente novas experiências

Sem transformá-lo em uma femme fatale totalmente desinibida, você pode jogar o cartão impertinente, propondo novos amantes de jogos. Massagem, exploração das zonas erógenas, posições sem precedentes: faça-o redescobrir seu corpo e seu desejo por você afastando-se dos estímulos habituais. 

  • Use e abuse humor

Sabe-se que o humor efetivamente persegue ansiedades e obsessões. Por que não usar o cartão de humor durante o amor? Sem tirar sarro claro. Seu parceiro irá relaxar mais facilmente neste clima propício ao relaxamento.

  • Vá consultar juntos

Se a comunicação, gentileza e sedução não resolverem os problemas de colapso sexual do seu cônjuge, não hesite em marcar uma consulta com um especialista. O melhor é acompanhar o seu parceiro: assim, você vai mostrar a ele a atenção que ele, sem dúvida, precisa.

Você pode consultar o seu médico, que irá direcioná-lo para o especialista certo e remover a menor dúvida sobre uma doença degenerativa do seu parceiro. Se você estiver sentindo dor ou ansiedade em seu relacionamento relacionado à disfunção sexual de seu parceiro, procure um terapeuta sexual. O urologista andrologista pode curar a disfunção erétil de seu homem, prescrevendo um tratamento contra a impotência, que aumentará suas ereções.

Conheça o melhor estimulante sexual do mercado, o Macho Power.

Ejaculação precoce: como explicar, como superá-lo?

Quase um em cada dois homens relataria a ejaculação precoce. Como isso é explicado? Como ajudar esses velocistas que sonham em se tornar corredores de maratona? Análise.

19 segundos. Este é, em média, o tempo que a maioria dos animais leva para desfrutar. Uma duração que parece muito curta, no entanto, quando se trata de seu parceiro. Alguns já terminaram enquanto estão mal aquecidos. A ejaculação precoce , uma vez que é o que é, tocar, com base em pesquisas que foram dedicadas a ele, entre um terço e metade dos homens. 

Difícil ainda ouvir o último sobre o assunto, como este “mal” parece ser vergonhoso ou pelo menos pouco assumido. Ainda mais em nosso tempo, onde é necessário ter sucesso em todas as áreas, no trabalho e na cama. Os que falam melhor sobre isso, em última análise, são mulheres, muitas das quais responderam aos nossos pedidos de testemunhas. E uma das lições que podem ser tiradas é que elas não se queixam disso, longe disso. Como explicar essa pressa irreprimível de alguns homens? De onde vem essa dificuldade de resistir à excitação ? Existem maneiras de manter a festa mesmo antes de começarmos a dançar? 

Ejaculação precoce primária ou secundária

“A primeira coisa a dizer sobre o assunto é que a ejaculação precoce é um problema apenas quando há insatisfação de um dos dois parceiros”, adverte a terapeuta sexual Nathalie Grandhomme. Para este último, tentar dar uma duração normal ou média ao ato sexual contribui para alimentar essa cultura de desempenho , a mesma que causa muitas disfunções sexuais. 

“Dito isto, falamos de ejaculação precoce quando não há mais de duas ou três viagens de ida e volta.” “Este é um motivo comum para consulta”, acrescenta Violaine Gelly , psicoterapeuta e terapeuta sexual. “Da mesma forma que impotência , que também pode ter causas comuns com aqueles que causam a ejaculação precoce.”  

Saiba mais sobre este blog sobre ejaculação precoce.

Devemos distinguir, ela acrescenta, a ejaculação precoce primária , da escola secundária. “Fala-se de uma disfunção primária sempre existiu, mesmo durante a masturbação , ejaculação ocorre muito rapidamente. Devemos, neste caso, passar por uma avaliação biológica e médica. Mas na maioria das vezes o problema é Muitas vezes há algo sobre o medo da castração, você tem que tentar entender o que aconteceu para que você tenha que ejacular tão rapidamente, antes de ser pego, apesar de tudo. ” 

Um sentimento de insegurança às vezes explica essa pressa de aproveitar

Em relação à ejaculação precoce “secundária “, que pode ocorrer em qualquer idade e em qualquer fase da vida sexual, Violaine Gelly vê especialmente a consequência de uma ansiedade , uma pressão que o homem sente, de um sentimento de insegurança . “Não é, originalmente, anormal apreciar rapidamente, ele responde a um instinto animal , para evitar se colocar em perigo”, lembra ela. “Esta é a pergunta que precisa ser feita: o que é tão perigoso que não podemos tomar nosso tempo?” 

Uma opinião corroborada por Nathalie Grandhomme, que, quando recebe homens queixando-se de sua velocidade para concluir, tenta ajudá-los a se livrarem dessa “obrigação de sucesso” . “Você tem que convencê-los de que eles podem dar prazer além do sexo. O homem tem muitos outros meios à sua disposição para isso, e a penetração não deve necessariamente ser o fim. para estar em seu corpo e em suas sensações, os homens gastam seu tempo durante o sexo para se perguntarem por quanto tempo durarão. ” 

Você sabe quais são os problemas sexuais mais comuns?

Tipos de disfunção sexual em homens?

Tipos de disfunção sexual incluem distúrbios que envolvem desejo sexual ou libido, ereção, ejaculação e orgasmo. Eles serão descritos separadamente, mas entendem que certas condições médicas podem afetar dois ou mais distúrbios ao mesmo tempo.

Qual é a perda ou declínio da libido?

A definição de perda ou perda de libido é quando o desejo sexual é diminuído ou ausente. A definição também varia de acordo com o nível de satisfação do paciente em relação ao seu desejo sexual. Alguns homens podem estar muito satisfeitos com o que alguns homens consideram uma atividade sexual rara.

Os problemas de desejo sexual afetam uma pequena porcentagem de homens na população geral. A libido é principalmente um fenômeno hormonal e cerebral. O desejo sexual requer níveis normais de testosterona (hormônio masculino) no sangue e uma certa atração pelo parceiro em questão.

Quais são os fatores de risco para a libido?

Fatores de risco para baixo desejo sexual em homens incluem:

  • Idade porque a concentração de testosterona diminui ao longo dos anos.
  • Consumo de álcool
  • Desnutrição
  • Fumar
  • Uso de drogas
  • Condições que exigem medicamentos que reduzem a testosterona, depressão, hipertrofia prostática benigna (BPH), dor e câncer de próstata.

Quais são as causas da baixa libido?

Muitas causas foram identificadas como contribuindo para a diminuição do desejo sexual. Eles incluem:

  • Medicamentos (ISRSs, antiandrogênios, inibidores da 5-alfa-redutase, analgésicos opióides)
  • alcoolismo
  • depressão
  • fadiga
  • Transtorno sexual hipoativo
  • Drogas recreativas
  • Problemas de relacionamento
  • Outra disfunção sexual (medo da humilhação)
  • Desordem da aversão sexual
  • Doença sistêmica
  • Deficiência de testosterona
  • estresse
  • Falta de tempo
  • História do abuso sexual
  • Problemas hormonais, como hipertireoidismo

Quais são os sintomas de uma libido fraca?

A pessoa que não tem desejo sexual não vai querer iniciar o sexo. Se o ato é iniciado, uma libido fraca também pode se apresentar como a incapacidade de conseguir uma ereção.

Se o paciente apresentar um primeiro episódio de disfunção erétil sem sintomas sexuais prévios e uma ereção noturna adequada, a causa provavelmente é psicogenética e o problema não é a ereção.

Também é importante esclarecer se a perda da libido é nova ou se sempre sentimos o mesmo em relação ao sexo.

O que é impotência masculina ?

A impotência masculina é a incapacidade de adquirir ou manter uma ereção satisfatória. A prevalência da disfunção erétil varia com a idade do paciente. Cerca de 18% dos homens entre 50 e 59 anos sofrem de disfunção erétil e 37% dos que têm entre 70 e 75 anos também sofrem.

Existem três tipos de ereções: aquelas causadas por estimulação tátil, aqueles causados ​​por estimulação mental e os homens sentem quando eles dormem. Essa classificação pode ser importante quando a causa da disfunção erétil continua a ser determinada.

Para ter uma ereção, os homens precisam de estímulos; eles precisam de sangue das artérias e uma veia que pode bloquear o sangue no lugar. Cada um dos muitos estágios deste sistema pode falhar, tornando a impotência masculina um problema complexo a ser estudado.

Quais são os fatores de risco para disfunção erétil?

Fatores de risco para disfunção erétil incluem:

  • obesidade
  • fumaça
  • diabetes
  • Hipertensão
  • Colesterol alto
  • Doenças cardiovasculares
  • Uso de drogas
  • Apnéia do sono obstrutiva
  • Síndrome das pernas inquietas
  • Esclerose sistêmica (esclerodermia)
  • Doença de Peyronie
  • Tratamento do câncer de próstata

Conheça o Destruidor de Ejaculação Precoce.

Maca Peruana – Surpreenda Ereções Longas e Muita Potência

Maca Peruana – Surpreenda Ereções Longas e Muita Potência

Muitos homens sofrem com problemas de ereções sendo o problema mais comum a impotência sexual. Eles não conseguem levar uma transa até o fim porque seu órgão genital começa a ficar flácido ou até mesmo por nem iniciar uma ereção. Trazendo problemas de autoestima e nos relacionamentos pessoais.

Outra disfunção comum é a ejaculação precoce. O homem não controla em que momento vai ter a liberação do esperma, fazendo isso antes do previsto. Ele pode ejacular antes mesmo que haja penetração. Ambos os problemas sexuais tem tratamento e para isso nem precisam de remédios perigosos, que colocam em risco a sua saúde. Maca x power

É possível melhorar seu desempenho e aumentar o apetite sexual naturalmente com o Maca PeruanA. O suplemento pode ser tomado por qualquer pessoas e não precisa de receita médica. Conheça-o:

O que é Maca Peruana;
Como Funciona;
Benefícios;
Como e Onde Comprar.
O QUE É Maca Peruana?
Ele é um estimulante sexual natural, que não precisa de receita médica para ser comprado. Ao contrário dos outros remédios que prometem melhorias, mas trazem muitos riscos para a saúde, esse suplemento não possui contraindicações. Ele não faz mal nenhum, apenas recomenda-se que menores de 18 anos, grávidas, lactantes, idosos pessoas enfermas ou que fazem o uso contínuo de algum medicamento procurem um médico antes de iniciar o tratamento.

O Maca Peruana é dividido em duas embalagens – uma para o dia e outra para a noite. As cápsulas para tomar ao longo do dia são feitas basicamente de cafeína, que darão toda a energia necessária para levar uma transa até o final, sem cansar. Você se sentirá mais disposto e menos cansado, aguentando muito mais.

As cápsulas noturnas contém extrato de um tubérculo conhecido como maca peruana. Já foi comprovada a sua eficácia para o aumento da fertilidade e longevidade. Com inúmeros nutrientes, ele promete ereções mais duras e potentes. O desempenho sexual aumenta, junto com a vontade de fazer sexo. O Maca Peruana combate a ejaculação precoce e impotência sexual.

COMO FUNCIONA
O Maca Peruana faz com que os corpos cavernosos do pênis atinjam sua potência máxima e consigam armazenar mais sangue. Com uma vascularização maior no corpo esponjoso do pênis, o órgão fica mais duro e com ereções prolongada.

Os tecidos da região são renovados e é beneficiados com a ação antioxidante da maca. Eles ficarão inclusive mais sensíveis ao toque, o que proporcionará muito mais prazer e orgasmos intensos.

Já foi comprovada a eficácia da maca peruana no equilíbrio hormonal – agindo principalmente na testosterona, o hormônio sexual. Estudos também apontaram resultados positivos para o aumento da produção de sêmen e quantidade de espermatozoide nos homens e diminuição da mortalidade dos óvulos nas mulheres. Ambos fatores contribuem diretamente para uma maior fertilidade.

A Maca fará com que nunca falte energia para iniciar uma relação sexual e fazer com que ela chegue até o final. A combinação de todos esses fatores proporciona uma vida sexual mais plena e feliz.

FUNCIONA MESMO?
Funciona! Além de todo o seu potencial comprovado por pesquisa, é possível ver depoimentos de pessoas satisfeitas com o uso do produto. Veja o que os clientes do Maca Peruana estão dizendo nas redes sociais:

COMO E ONDE COMPRAR
O Maca Peruana pode ser comprado somente pelo seu site oficial. Isso pois ele não é distribuído para outras plataformas de venda, apenas pelo seu fornecedor. Evite comprá-lo em outros sites ou no Mercado Livre por exemplo.

O Maca Peruana passa por testes rigorosos de qualidade internacional e nacional. Ao comprá-lo por outro lugar você poderá adquirir um produto falsificado, que além de não possuir efetividade, poderá por em risco sua saúde. Para ir até o distribuidor oficial, clique no botão abaixo e consiga até 63% de desconto.

Basta escolher a forma de pagamento, que pode ser boleto ou cartão de crédito. Você poderá comprar kits com o frasco dia e noite. Quanto maior as quantidades compradas de uma única vez, mais barato sai cada unidade.

Parcele em até 12 vezes! O produto chegará em sua casa em uma embalagem discreta e ninguém jamais saberá o que você comprou. O site é 100% seguro e seus dados ficam protegidos. Você terá 30 dias após efetivar o pagamento para testar o Maca Peruana.

O fornecedor acredita tanto nos resultados que oferecer seu dinheiro de volta caso não esteja satisfeito nesse período de tempo.